google-site-verification=XWm5-ie7jtuIvxhkMX9Z60iXSuGOt9EX7CNTQDtQJTY
 

A terapia cognitiva-comportamental para adolescentes

A terapia cognitiva-comportamental na adolescência, mostrou ter efeitos positivos significativos, para uma série de problemas, incluindo: distúrbios do humor, da ansiedade, alimentares e uso de substâncias. A terapia cognitiva-comportamental é uma abordagem que se concentra na análise das conexões entre pensamentos, sentimentos e comportamentos dos adolescentes.

O objetivo é ajudar os adolescentes a mudarem os padrões de pensamentos e comportamentos que por sua vez, os aliviarão dos sintomas negativos relacionados aos transtornos da Saúde Mental. A TCC para adolescentes é um pouco diferente de outras formas de terapia, na medida em que os terapeutas trabalharão ativamente com esses pacientes, para superar/ reduzir os sintomas associados à sua luta atual.

Como os terapeutas orientam intencionalmente os adolescentes para conversar e trabalhar com tópicos /desafios específicos. O terapeuta discutirá com o adolescente o progresso que está fazendo, bem como as lutas que ainda têm, manter constantemente a consciência dos objetivos que foram definidos para o plano de tratamento e onde estão, ao longo desse caminho. 

Essa participação ativa por parte dos terapeutas também inclui o "dever de casa" para adolescentes ou exercícios para praticar fora das sessões de tratamento. Por ser a terapia baseada em mudanças nas suas próprias vidas, este trabalho deve se estender além do tempo que os adolescentes estão trabalhando diretamente com seu terapeuta. Bem como as lutas que ainda estão tendo, manter constantemente a consciência dos objetivos que foram definidos para o plano de tratamento e onde estão, ao longo desse caminho.  

Como a TCC se concentra em ajudar os adolescentes a mudar os comportamentos relacionados às lutas e sintomas que experimentam, pode ser uma ferramenta muito poderosa, não só para ajuda-los, mas também para evitar a recaída. Algumas das etapas práticas que a TCC, incluem atividades positivas à vida e reestruturar padrões de pensamento negativos.

 A TCC pode ser usada para mudar os comportamentos dos adolescentes, como ajudar a adicionar atividades positivas e divertidas em suas vidas diárias. Embora isso possa parecer simples, muitas vezes pode ser muito difícil para aqueles que estão deprimidos ter a energia para iniciar atividades positivas para si e, da mesma forma, pode ser difícil para os adolescentes que estão lutando contra o Abuso de Substâncias incorporar qualquer atividade agradável que não envolva o uso.

 Outro foco da Terapia cognitiva-comportamental para adolescentes é ajudar a interromper e depois reestruturar padrões de pensamento negativos. Essas autopercepções e crenças negativas frequentemente acompanham quase todos os transtornos mentais, servindo como uma causa ou desencadeamento de comportamentos e sentimentos negativos. Por exemplo, os adolescentes que lutam contra Distúrbios Alimentares, quase sempre sofrem de baixa autoestima e muitas crenças negativas sobre si mesmos, o que os leva a seus comportamentos destrutivos. Ou se estão lutando contra fobias ou ataques de pânico, eles têm padrões de pensamento de perda de controle, quando entram em contato com um gatilho, seja lá o qual for. 

 

A dificuldade desses padrões de pensamentos, é que eles podem ser muito evasivos para os próprios adolescentes, até serem encorajados a articular a sequência de seus pensamentos com um terapeuta. Então, as conexões entre um pensamento com o próximo (ou falta de conexão) ficam mais claras. Os terapeutas podem, então, trabalhar com esses pacientes para interromper padrões de pensamento negativos desde o início, os adolescentes podem começar a recuperar um senso de controle sobre seus pensamentos, e, portanto, seus sentimentos também. Este pode ser um passo incrivelmente poderoso e pode proporcionar um considerável alívio do que estão experimentando.